Marcos Dal Fabbro

Realiza estudos e pesquisas com foco no desenvolvimento de regiões impactadas por grandes obras, em particular na Amazônia. Coordenou atividades no âmbito do Projeto Indicadores de Belo Monte, voltado para o monitoramento de condicionantes socioambientais da UHE Belo Monte em Altamira, estado do Pará. Esse trabalho se deu na perspectiva do desenvolvimento local, bem como da iniciativa Grandes Obras na Amazônia – aprendizados e diretrizes, em parceria com a International Finance Corporation – IFC/Banco Mundial. Fabbro iniciou a atuação profissional na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, realizando assessoria parlamentar, com foco na análise de crédito rural e em orçamento público. Posteriormente, vivenciou o desenvolvimento de atividades agropecuárias, administrando propriedade rural familiar na implantação e gestão de projetos de suinocultura, avicultura e bovinocultura de corte. De volta à esfera pública, coordenou inúmeros projetos, ações e programas que visam o desenvolvimento rural sustentável. Participou da formulação e implementação do Programa Fome Zero e do Plano Brasil sem Miséria. Apoiou a formatação do programa Territórios da Cidadania e da coordenação do I Salão Nacional dos Territórios Rurais, evento que contou com mais de 2.000 participantes. Com experiência nas áreas agrárias, ambientais e sociais, desenvolveu competências de planejamento estratégico e avaliação, com perfil profissional na concepção, desenho, gestão, execução e monitoramento de programas e projetos relacionados ao desenvolvimento rural sustentável. Coordenou o Programa Cisternas de Placas para o semiárido brasileiro (água para consumo e produção), o Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais, entre outros, todos com ações com forte relação com organizações sociais. Realizou interlocução com: diversos estados, instituições públicas, instituições de pesquisa, empresas de ATER e consórcios públicos. Percorreu todos os estados brasileiros e coordenou trabalhos envolvendo inúmeros técnicos de diversas especialidades. Foi responsável pela coordenação de projetos de cooperação internacional, tendo participado de missões oficiais para Moçambique, Portugal, Chile, Argentina e Bolívia.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.