Políticas para Promoção da Economia Verde: a Experiência Internacional e o Brasil

Novembro, 2010

Autor(es)

Pedro Pereira Leite Canelas
Mariana Pinheiro Bartolomei
Gabriel Barros Barreto Pinheiro Lima

Reconhecendo a emergência dos temas socioambientais como um processo irreversível em escala mundial, o Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial, em conjunto com o Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV-EAESP), apresenta a série de estudos “Tendências e oportunidades da economia verde”, cujos objetivos são examinar (i) como tais desafios associados aos temas socioambientais podem ser enfrentados pelo Brasil, por meio de governo e empresas, e (ii) de que forma essas organizações podem contribuir para uma economia cada vez mais orientada a gerar desenvolvimento sustentável.

Energias renováveis e eficiência energética desempenham um papel fundamental na reorientação da sociedade para um modelo de desenvolvimento sustentável, em razão dos amplos benefícios sociais e ambientais que em geral resultam da sua aplicação na geração de eletricidade e em transportes. São componentes indispensáveis da solução de questões globais fundamentais como segurança energética, pobreza e mudança climática.

Mas ainda que tais temas sejam prioritários na agenda internacional, deve-se considerar que a transição para uma matriz energética global mais renovável não se dará de forma abrupta, uma vez que a dinâmica que sustenta o modelo energético não-renovável atual é difícil de ser revertida.

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação por meio de cookies para permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para saber mais sobre as informações e cookies que coletamos, acesse a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.