ESTUDOS SOBRE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E EDUCAÇÃO

ESTUDOS SOBRE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E EDUCAÇÃO

A Educação deve e tem que ser avaliada, com avaliação institucional e avaliação de ensino-aprendizagem. A questão de pesquisa que decorre desta argumentação é: qual deve ser a base para a avaliação institucional e a avaliação de ensino-aprendizagem, que permita estabelecer uma relação entre os níveis Fundamental, Médio, Superior e Pós-Graduação por meio destas avaliações?

O Projeto tem como objetivo geral a consolidação da estrutura de dimensões e componentes de Educação que permita estabelecer os critérios de avaliação institucional e de ensino-aprendizagem, e ser a base para estabelecer a relação entre os níveis de ensino.

Os objetivos específicos estão assim definidos:

  1. Estabelecer a base teórica robusta para a estrutura proposta de dimensões e componentes de Educação.
  2. Identificar a situação das dimensões e componentes de Educação no Brasil tendo como base os dados disponíveis nas bases do Inep.
  3. Aplicar a estrutura proposta e identificar a situação de instituições e cursos específicos.
  4. Definir critérios de avaliação institucional e de ensino-aprendizagem e aplicá-los nos casos estudados.
  5. Comparar as avaliações obtidas com a aplicação dos critérios propostos com as obtidas com os critérios em uso pelas agências governamentais e pelas instituições de ensino.
  6. Identificar as relações entre os níveis Fundamental, Médio, Superior e Pós-Graduação, com base na estrutura e critérios propostos.

 O projeto geral está dividido em sete projetos integrados.

Em quatro anos de projeto, obteve-se resultados satisfatórios dentro dos objetivos propostos. O projeto esteve totalmente inserido e aderente ao programa de Pós-Graduação da FGV EAESP, com teses e dissertações sendo desenvolvidas nesta área, o que permite consolidar um núcleo de professores, alunos e pesquisadores dedicados ao tema.

Os resultados obtidos permitem assegurar que os objetivos do projeto foram atingidos, imprescindível para a consolidação do núcleo de estudo.
As elaborações de artigos e trabalhos foram realizadas, como base nos resultados obtidos nas várias fases do projeto, e as submissões e publicação de artigos em periódicos e trabalhos em congressos foram substanciais, tanto nacional como internacionalmente.

O projeto Dimensões e Componentes de Educação: Uma Base para Avaliação contou com os seguintes projetos integrados:

  • Definição de critérios de avaliação institucional de Educação;
  • Definição dos critérios de avaliação de ensino-aprendizagem;
  • Identificação da situação atual e proposta de adequação, considerando os critérios de avaliação propostos; e
  • Análise da coerência entre os critérios de avaliação institucional e de ensino-aprendizagem nos diferentes níveis, Fundamental, Médio, Superior e Pós-Graduação.

Entre as contribuições está seu papel na formação de professores e na Pós-Graduação:

  • Formação de professores: o extenso levantamento bibliográfico feito sobre as dimensões e os componentes da Educação e a consequente consolidação do modelo base do projeto, realizado por professores e alunos, contribui para aprimorar o conhecimento os participantes sobre educação e suas várias áreas e temas.
  • Pós-Graduação: a participação ativa dos alunos de Pós-Graduação, tanto bolsistas como não bolsistas, permite que estes adquiram e apliquem conhecimento em pesquisa, nesta fase, bibliográfica e na construção de modelos teóricos.

Professores e alunos: a participação nos casos estudados são uma experiência rica para o aprendizado de pesquisa e sobre Educação, incluindo sua avaliação. A participação de todos nas discussões sobre os resultados e elaboração das conclusões foi intensa e de grande aprendizado.

 

As dimensões e os componentes de Educação estão diretamente ligados e exigem uma clara coerência com o que se espera como resultado do processo educacional e na forma como este deve acontecer, e que devem estar inseridos na política pedagógica da instituição e na sua gestão.

Neste contexto, denominado de parte acadêmica, a dimensão de conhecimento, com seus professores, pesquisadores e alunos, devem ser a base para uma composição adequada e coerente dos componentes da Educação, Programas e Cursos, que por sua vez devem garantir os resultados esperados e avaliados para o processo de ensino-aprendizagem.

 

 

 

Equipe de pesquisadores

  • Alberto Luiz Albertin
    Coordenador
    Doutor em Administração pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP